Páginas

terça-feira, 7 de julho de 2009

Sant Pierre em crosta de broa de fubá e alho com arroz com sementes de papoula e molho de camarões e queijo cremoso.


Sant Pierre, o nome parece estranho para um peixe, mais na realidade é a nossa velha conhecida Tilápia. Um filezinho de carne branca com textura suave e paladar super agradável. Delicado na cocção, fritura ou mesmo um ceviche ou forno, trata-se do peixe cujo consumo mais cresce no mundo, principalmente nos Estados Unidos.. Estes foram preparados em crosta de broa de fubá e acompanhados com arroz branco e molho de camarão.
“Tilápia é o nome comum dado a várias flores de peixes ciclídeos de água doce pertencentes à subfamília Pseudocrenilabrinae e em particular ao gênero Tilapia. Eles são nativos da África, mas foram introduzidas em muitos lugares nas águas abertas da América do Sul e sul da América do Norte e são agora comuns na Flórida, Texas e partes do sudoeste dos EUA, sul e sudeste do Brasil.
Tilápias são fáceis de manter em aquário, já que elas conseguem espaço suficiente neles. Elas se reproduzem facilmente e crescem rápido, mas são perigosas para qualquer outro peixe pequeno. A maioria das espécies são reprodutores de superfície, mas alguns protegem sua cria em sua boca.
As tilápias são criadas para alimentação humana, sendo sua carne bastante apreciada, pois é leve e saborosa. Em algumas regiões o peixe é colocado nos arrozais, depois de plantado o arroz, onde crescera ate um tamanho que estará pronto para o consumo (12–15 cm) quando o arroz também estará pronto para a colheita.
A tilápia-do-nilo foi um dos primeiros peixes a serem criados em aquicultura pelos antigos Egípcios (4000 anos).
A tilápia é um excelente controle biológico para alguns problemas de infestações de plantas aquáticas. “Eles preferem plantas aquáticas que flutuam, mas também consomem algumas algas fibrosas”.
“Saint Pierre - Originário do Rio Jordão e Mar da Galiléia os ancestrais do Saint Pierre ® são consumidos há mais de dois mil anos.
O nome Saint Pierre ® é uma referência bíblica ao pescador Pedro e ao milagre da multiplicação dos peixes feita por Jesus.
Hoje após intenso desenvolvimento genético realizado nas últimas décadas o Saint Pierre ® é consumido nos EUA, Europa e América Central.
Valor nutricional do peixe em 100g:
Proteína 18,3g
Gordura 1,2g
Cinza 1,0g
Calorias 90,0g
Sódio 35,0g
Potássio 415,0 mg
Cálcio 6,0 mg
Fósforo 160,0 mg
Ferro 6,0 mg
Colesterol 425,6 mg
Omega-3 260,0 mg”
A tilápia apropriada para consumo é aquela criada em cativeiro, onde recebe ração, é abatida com peso em torno de 800 gramas que rende dois filés de cerca de 120 gramas e cortada de forma a eliminar todos os espinhos.
As primeiras espécies de tilápia foram introduzidas no Brasil no início da década de 1950.
Em supermercados e restaurantes, é mais fácil encontrar o peixe com o nome de "saint peter" ou "saint pierre". "Este nome é padrão exportação, usado para diferenciar da tilápia pescada em açude.


http://gastronomiaenegocios.uol.com.br/home/cozinha_gen/ver/544/saint-pierre-em-crosta-de-broa-de-fuba-e-alho-com-arroz-ao-molho-de-camarao

http://pt.wikipedia.org/wiki/Til%C3%A1pia
http://www.fazenda-sta-isabel.com.br/saintpierre_index.htm
http://www1.folha.uol.com.br/folha/comida/ult10005u368144.shtml

2 comentários:

  1. Esse peixe é uma delicia, tem sabor delicado e derrete na boca. Maravilhoso.

    ResponderExcluir
  2. É mesmo, tem uma carne bem delicada e de sabor suave, além de saudável.

    ResponderExcluir